Leia também

6 exemplos de automação de processos de RH

A tecnologia levou o setor de recursos humanos a um patamar importantíssimo, sendo um avanço fundamental, que beneficiou profissionais da área e rotina dos colaboradores e gestores. Por isso, esse é um processo irreversível. Um estudo da Deloitte, de 2021, indica que 56% dos líderes de RH já redesenham seus métodos, a fim de aproveitar ferramentas digitais. 

Tal dado demonstra como líderes de recursos humanos têm implementado a transformação digital em praticamente todas as tarefas que envolvem o setor. Assim, a automação de processos de RH acontece cada vez mais. 

Como funciona a automação de processos de RH 

Assim como as outras áreas de uma empresa, a automação de processos de RH acontece com o intuito de elevar a eficiência das tarefas, do próprio setor e melhorar a performance dos colaboradores, liberando-os para atividades mais estratégicas. 

Mas, como essa automação funciona? Ela ocorre por meio da utilização de softwares de gestão de recursos humanos, a partir da digitalização de processos, operacionalização automática de ações manuais e repetitivas, e recursos voltados à otimização e organização de atividades. 

Importância de digitalizar as tarefas do RH 

Como foi citado, a automação de processos de RH elevou a eficiência do setor e fez com que os profissionais estivessem focados em tarefas mais estratégicas, com planejamento. Assim, as atividades mais repetitivas e com chances de erros humanos, ficaram para a tecnologia se responsabilizar. 

Desse modo, o setor ganhou agilidade, facilidade em alguns trabalhos e diminuiu o tempo de execução das tarefas e minimizou as chances de erro. 

Sob essa ótica, a automação de processos de recursos humanos apresenta sua importância por meio da ampliação de resultados, em inúmeros aspectos, ara diferentes processos. Com isso a empresa agrega diferencial competitivo no mercado. 

Além disso, essa automação do RH permite que as organizações obtenham benefícios, como: 

  • Processos otimizados e seguros; 
  • Redução de erros humanos; 
  • Menor tempo de execução em admissão, desligamento e outras atividades; 
  • Assertividade na tomada de decisão do RH; 
  • Redução ou eliminação de penalizações, multas ou qualquer risco relacionado a questões legais. 

6 exemplos de automação de processos de RH 

Abaixo, você vai acompanhar alguns exemplos de como a automação é aplicada no dia a dia dos recursos humanos, conhecendo suas vantagens e métodos de aplicação. Veja até o final! 

1. Processo de recrutamento e contratação 

Entendemos que o RH, hoje, tem um papel crucial na sinergia das equipes, assertividade nas contratações e retenção dos talentos. E, para haver essa eficiência, gestores de recursos humanos passaram a automatizar o processo de recrutamento e seleção, a fim de acertar nas contratações. 

Além disso, como a seleção de candidatos é uma atividade que demanda muito tempo, a automação serviu como aliada na otimização e agilidade. 

Por meio de inteligência artificial e softwares de seleção, o RH passou a obter uma triagem de currículos, aplicação de testes e etapas muito bem estabelecidas. 

Desse modo, a automatizar as tarefas de recrutamento e seleção, a equipe de recrutadores e do próprio RH obtêm tempo, estratégia e foco nas análises. Essa automação nos leva ao próximo passo da digitalização de processos que é: a contratação. 

Complemente a leitura: Recrutamento online: uso das redes sociais tendência que veio para ficar

2. Admissão de colaboradores 

A admissão digital passou a ser utilizada com maior ênfase durante a pandemia, que impossibilitou os processos presenciais. Assim, as empresas passaram a perceber o quanto essa digitalização da tarefa proporciona vantagens importantes ao RH e aos negócios. 

Isso porque, além de agilizar a contratação, foi possível promover maior organização e facilidade para os profissionais de RH. 

Então, ao automatizar a admissão de pessoas colaboradoras, o setor centraliza a requisição e recebimento de documentos, sem depender das trocas de e-mails ou entrega presencial.

3. Gestão de documentos 

Como citamos, a tecnologia é possível de organizar os processos, isso incluí a organização de documentos!  

A gestão de documentos nada mais é que a automatização da organização das informações que, antes, era realizada de forma manual, tomando tempo dos profissionais. 

E, é importante citar que o RH lida com um grande volume de documentos e dados pessoais de seus colaboradores e candidatos. 

Complemente a leitura com “LGPD: as boas práticas começam na gestão” 

Nesse sentido, a automação na gestão de documentos serve para digitalizar esse processo, torná-lo automático e liberar os profissionais para atividades mais pontuais e menos repetitivas. Além de melhorar o fluxo de trabalho

4. Folha de pagamento 

O processo de folha de pagamento é uma demanda que requer atenção e organização. Por isso, não deve ser uma tarefa encarregada somente das pessoas. É necessário agregar tecnologia! 

Um pequeno erro no cálculo da folha e no pagamento em si pode acarretar diversos problemas para o RH e para a empresa. Então, para eliminar as chances de erro humanos, o setor deve autoatizar tarefas, como: 

  • Cálculos; 
  • Organização e segmentação das obrigações; 
  • Automatização do pagamento das obrigações financeiras; 
  • Cálculo automático as taxas, descontos e afins; 
  • Agendamento de pagamentos (como salários, benefícios e bonificações) 
  • Realizar projeções orçamentárias. 

Desse modo, a automação da folha de pagamento contribuí para com os cálculos, pagamento e adequação conforme a legislação trabalhista.

5. Pesquisa de clima organizacional 

Com a finalidade de entender o ambiente de trabalho, satisfação dos colaboradores, possíveis problemas e ajudar na retenção dos profissionais, regularmente o RH aplica pesquisas de clima organizacional. 

Anteriormente, essas pesquisas eram feitas boca a boca, por e-mail ou em simples murais. Mas, com a digitalização dos processos, passaram a ser desenvolvidas a partir de ferramentas de comunicação. 

Portanto, atualmente, o RH pode utilizar softwares que estruturam as perguntas, disparam as pesquisas de clima organizacional, coleta as respostas e faz a análise dos dados

Claro que os profissionais de recursos humanos estão envolvidos nessa ação, elencando o que de fato é informação e quais são importantes. Assim, a tecnologia auxilia na coleta e análise dos dados. 

Mas, quais os benefícios de automatizar a pesquisa de clima? Bom, a digitalização desse processo, imediatamente, proporciona agilidade. Mesmo assim, promove também: 

  • Redução do tempo dedicado à criação de perguntas e coleta de respostas; 
  • Sugestão de perguntas prévias. 
  • Lançamento em massa e organização das informações. 

Sugestão de leitura: RH investe em Games Corporativos 

6. Comunicação com Portal RH 

Principalmente com o trabalho remoto, os recursos humanos passaram a encontrar métodos de estreitar o relacionamento com os colaboradores, auxiliar os gestores a envolverem a equipe e promover autonomia aos profissionais. 

Assim, surge o Portal RH, uma ferramenta que automatiza os principais processos do setor de recursos humanos, como: 

  • Folha de Pagamento; 
  • Gestão de Benefícios; 
  • Medicina e Segurança do Trabalho 
  • Pesquisa de clima; 
  • Recrutamento e Seleção; 
  • Treinamentos e Onboarding; 
  • Workflow dos colaboradores  
  • Business Intelligence da equipe 
  • Entre outras possibilidades. 

Além disso, faz com que o próprio colaborador atualize seu cadastro, envie documentos, baixe informe de rendimento e holerites, e tenha autonomia para se comunicar com gestores e RH. 

São inúmeras funções que uma ferramenta como o Portal RH pode proporcionar para o setor, para os gestores e para colaboradores. 

Então, para conhecer o Portal RH da People by StarSoft, é só entrar em nosso site e falar com nossos especialistas! Leve a automação de processos de RH para a sua empresa. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Compartilhe:

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin