Leia também

Flexibilidade no trabalho: conheça a novidade e como retém talentos

O isolamento social desvendou algumas questões que muitas empresas não queriam discutir. A flexibilidade no trabalho é um desses temas que derrubou crenças e práticas primitivas e trouxe à tona a possibilidade de mudar a relação entre jornada e profissional. 

Então, como consequência, as organizações, que se deixaram levar nessa novidade e confiou no comprometimento de seus colaboradores, tiveram melhoria em desempenho, resultado e feedback de clientes. 

Portanto, neste artigo, iremos abordar tópicos importantes sobre a flexibilidade no trabalho e como essa atual metodologia de jornada do colaborador pode atrair benefícios para o RH e empresas. 

O que significa flexibilidade no trabalho? 

Flexibilidade no trabalho significa, acima de tudo, promover liberdade e autonomia aos colaboradores. Neste sentido, envolve horários, local e rotina, para uma produtividade elevada. 

É importante citar que o trabalho flexível foi impulsionado pela transformação digital, que junto a tecnologias trouxe uma cultura organizacional mais voltada à experiência, métodos ágeis e integração. 

Do ponto de vista da gestão, a flexibilidade permite que os colaboradores trabalhem a partir de um ritmo particular e com equilíbrio entre profissionalismo e vida pessoal. 

Já sob a ótica do RH, a prática faz com que os profissionais tenham um nível de satisfação maior e que a motivação também esteja elevada. Como resultado a taxa de turnover diminui e a empresa consegue reter talentos. 

Além disso, a flexibilidade no trabalho influencia na relação entre gestores e colaboradores, pois transforma esse relacionamento mais fluído e menos engessado. 

Formatos flexíveis 

Dentro do conceito de flexibilidade no trabalho, os profissionais poderão encontrar alguns formatos que são extremamente benéficos, como: 

  • Home office; 
  • Escolha do escritório mais próximo à casa; 
  • Autonomia dos colaboradores escolherem o melhor formato para cada um; 
  • Locais distribuídos; 
  • Hierarquia horizontal 
  • Trabalho em qualquer lugar do Brasil ou mundo; 

Claro que, com o conceito cada vez mais difundido entre profissionais e organizações, novos formatos vão surgir e, assim, com regras atuais. 

Na prática, como funciona? 

A flexibilidade no trabalho vai funcionar dependendo do que é acordado com os trabalhadores. Mas, de maneira geral, a maioria das empresas aplicam o conceito principalmente na jornada móvel. 

Assim, o RH já consulta o que será preciso para gerir essa jornada de trabalho flexível. Do ponto de vista da legislação, esse método é aceito e não impede o vínculo empregatício como CLT. 

Além disso, a última Reforma Trabalhista incluiu o artigo 75-A que, justamente, estabelece regras que regem algumas modalidades flexíveis, como o trabalho remoto. Desse modo, os recursos humanos utilizam as normas desse modelo, incluindo detalhes contratuais. 

E como, os profissionais de RH controlam o ponto dos colaboradores? É muito simples, isso ocorre por meio de ferramentas de marcação online, que direcionam as informações para uma solução de Gestão de Ponto

Por meio dessas duas tecnologias, o RH consegue acompanhar a jornada, local em que houve a marcação, horários, se o profissional está cumprindo horário de almoço, horas extras e demais detalhes. E, assim, realizar corretamente o cálculo da folha de pagamento. 

Entretanto, é importantíssimo se atualizar a cerca dessa nova modalidade de trabalho e jornada, pois ainda há muitas dúvidas e acaba se tornando um desafio para o RH na hora de implantar o trabalho flexível. 

Como o RH pode aplicar a flexibilidade no trabalho?  

Qual seria o passo a passo para essa implantação? Há algumas etapas importantes que não podem ser deixadas de lado. Mas, o RH e empresa também podem adicionar alguns estágios a mais. Veja! 

Ouvir os colaboradores: antes de tudo, o RH e time de endomarketing podem avaliar com os profissionais o que significa flexibilidade no trabalho. A pesquisa aqui é muito bem-vinda! 

Estabelecer o modelo: após reunir e selecionar as ações de flexibilização do trabalho, o próximo passo é definir o modelo, tipo de jornada e como gerar autonomia e liberdade aos colaboradores. 

Avaliar condições: é fundamental avaliar as condições para flexibilizar o trabalho, estabelecer normas e deixar registrado. Aqui, o RH tem liberdade para avaliar as condições de trabalho de cada departamento. 

Formalizar a decisão: comunicar a decisão, parâmetros, regras, condições e demais detalhes é uma etapa primordial. Por isso, compartilhe com os colaboradores o documento que engloba todas as informações e não esqueça de partilhar com líderes e sindicato. Ah, e o resultado precisa ser redigido em regras e cláusulas. 

Agregue Tecnologia no processo: a tecnologia, com certeza auxilia a flexibilidade no trabalho, principalmente quando o processo é alimentado por inteligência artificial e aprendizado de máquina. Por isso, não deixe de agregar ferramentas que possibilitam essa modalidade. 

Benefícios da flexibilidade no trabalho 

Como resultado, as empresas que adotam uma abordagem mais flexível nas relações de trabalho, agregam habilidades voltadas a seu time e a sua clientela, mas por quê? 

Do ponto de vista do time, a empresa consegue elevar a produtividade, reter seus talentos, diminui a rotatividade, atende às necessidades internas e pode, até mesmo, diminuir custos com colaboradores. 

Já em relação a imagem externa, a organização consegue melhorar produto ou serviço, atende ainda melhor as demandas de clientes e melhora a percepção de quem vê a empresa de fora. 

Além disso, pode atingir objetivos com mais facilidade, do que com um time desmotivado, certo? Pois com aumento da produtividade e com colaboradores motivados em suas atividades, os resultados são ampliados. Vemos vantagens também, como: 

  • Uso estratégico da infraestrutura e ferramentas; 
  • Melhor clima organizacional; 
  • Redução de custos; 
  • Melhora na reputação da marca; 
  • Equilíbrio entre vida pessoal e profissional de todos. 

Ou seja, são inúmeros os benefícios que RH, empresa e colaboradores pode observar ao desenvolver a flexibilidade no trabalho. 

Soluções para RH Peoply by StarSoft 

Para ampliar a gestão do RH nessa fase de trabalho flexível, utilize as soluções da People by StarSoft. Temos módulos para Gestão de Ponto, Folha de Pagamento, Gestão de Talentos, eSocial e Saúde e Segurança

Gostaria de conhecer as soluções? Fale com um de nossos especialistas e entenda como a tecnologia amplia a atuação do RH! 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Compartilhe:

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin